Mariana de Castro

27 novembro 2017

Nenhum comentário

Como escolher o seu vestido de noiva – Parte 4

Ufa! Agora estamos na reta final para que a decisão de escolha de seu vestido de noiva seja certeira… O próximo passo é decidir qual tecido atende melhor a cor e o formato escolhidos. Para facilitar vamos começar com exemplos de tecidos mais encorpados para aqueles vestidos bem volumosos e estruturados. E vamos até os mais fluídos que vão te dar uma sensação de leveza e delicadeza.

Zibeline de seda

Mulher, sabe aquele tecido de princesa? Então, é esse mesmo! O Zibeline é bem encorpado e, por conta desta característica, muitas modelagens diferenciadas podem ser acrescentadas no vestido como pregas, dobras etc.

vestido de noivaTafetá

Esse é o amor/ódio das noivinhas por conta de seu brilho. Ele é um pouco mais fino que o Zibeline e possui um brilho cintilante. Então quando for escolher, veja se cabe seu brilho no modelo escolhido.

vestido de noivaCetim de seda

Esse é o rei do brilho, mas é um brilho diferente do Tafetá, afinal possui um brilho elegante e acetinado. Ele também é um tecido mais fino que o Zibeline, mas não fica para trás na armação e estrutura. O bom de ser mais fino é que ele forma leves gomos na saia onde aumenta o volume e mostra muita delicadeza.

vestido de noivaTule

É a famosa redinha! Ele é bem fininho e muito versátil. Ele tem a função principal de acrescentar volume de leve a alto em qualquer tido de saia. Fica extremamente bem com franzidos, recortes, aplicação de renda ou até mesmo bordados.

vestido de noivaMousseline de seda

Esse é aquele tecido que faz você flutuar, mulher! Ele possui um brilho acetinado leve, um caimento extremamente fluído e sua estrutura é bem lisinha. Ele deixa tudo mais delicado e esvoaçante.

vestido de noivaGazar de seda

Ele é bem acetinado e brilhante, sua aparência se assemelha muito a de uma organza, porém ele é mais macio ao toque e possui um caimento mais uniforme e volumoso.

vestido de noivaRendas

Elas são indispensáveis na maioria dos casos e as opções são gigantescas. Vamos enumerar algumas? Aí vão:

1 – Renda Chantilly

é a mais famosa e tradicional, bem macia e transparente com o acabamento mais delicado de todos.

vestido de noiva2 – Renda Renascença

é aquela que remete ao nordeste, muito bem armada, estruturada, não possui transparência e, para melhorar, ainda é feita a mão com muito amor e personalização.

vestido de noiva3 – Renda Guipure

é a intermediária na estrutura, possui o formato de flores e folhas, desenho bem uniforme e um caimento mais pesado.

vestido de noiva

Pronto mulher, agora é só escolher o tecido e a renda e, claro, escolher um boa costureira que seu vestido vai estar quase pronto faltando apenas alguns detalhes que vou te contar no próximo post tá bem?

Até mais! Beijos!

 

Mariana de CastroMariana de Castro

Formada em 2014 pela faculdade IESB em Design de Moda, designer por profissão, mas muito mais por paixão. Mariana se considera destemida e inovadora, segue a premissa de que moda é oferta e estilo é escolha. Foi para São Paulo correr atrás do que importa e fez 16 cursos na Escola São Paulo voltados para moda com grandes nomes da moda no Brasil como Beto Siqueira, Manu Carvalho, Alexandre Herchcovitch e Lorenzo Merlino. Trabalha como Designer Gráfica voltada para moda e aos finais de semana como cerimonialista em Brasília.

 

https://www.facebook.com/Mariana.Castro.8

https://www.instagram.com/mariitscastro/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *